Lab Vita Análises Clínicas Erechim
1
03/08/2021

Lab Vita explica: por que os exames de Covid-19 podem dar falso-positivo ou falso-negativo?

f compartilhe
Lab Vita explica: por que os exames de Covid-19 podem dar falso-positivo ou falso-negativo?

Todo exame sorológico, ou seja, exames que medem os anticorpos produzidos após o contato com um agente infeccioso, podem dar falso-positivo ou falso-negativo.

Como a Covid-19 é uma doença nova, ainda não se sabe detalhadamente como se dá a produção dos anticorpos. Hoje, sabe-se que eles começam a ser produzidos após o sétimo dia do início dos sintomas; no entanto o período ideal para que eles sejam analisados é após três semanas. Sabe-se, também, que pacientes assintomáticos ou com poucos sintomas produzem menos anticorpos do que pacientes com quadros mais graves da doença.

Também já foi constatado que nem todos os pacientes da Covid-19 produzem anticorpos. Assim, mesmo pacientes que tiveram a doença confirmada pelo exame RT-PCR podem receber resultado negativo no teste sorológico. Além disso, anticorpos produzidos contra outras doenças podem reagir aos testes sorológicos para Covid-19, levando a um resultado falso-positivo.

No caso do RT-PCR, ou teste molecular, também pode haver o resultado falso-negativo. Isso acontece porque, apesar de ser considerado padrão ouro para o diagnóstico da Covid-19, sua sensibilidade não é de 100%. O resultado falso-negativo do RT-PCR pode estar relacionado, principalmente, à coleta precoce ou tardia, isto é, exame realizado muito no início da doença ou após muitos dias do surgimento dos sintomas. O ideal é que este exame seja feito na primeira semana de sintomas.

Somente um médico pode avaliar com propriedade o resultado dos exames e a necessidade de realização de novos testes, considerando o histórico do paciente, seus sintomas e se houve ou não contato com o vírus.




plus web marketing digital sites ecommerce erechim

Whastapp Email
Em que posso ajudar?